quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Transe - Símbolo Sexual

Ao sul do ventre dela
Entre as pernas e a alma
Um símbolo sexual
Casa do pecado
Fonte do milagre

Razão de guerras e de paz
Terra fértil onde eu planto
Frutos no vosso ventre
E borboletas também

Arrepio
No pelo
Na pele
Nos pólos

Transas são
Transações
Transições
Transe

O caso, o acaso, o descaso
Apetite infinito, carnívoro, carnal
O ensejo, o beijo, o desejo
Doce veneno doce 

Convida pelo cheiro 
Pede pra ficar
Provocação debochada
Com a certeza absoluta
De que quem proura acha

Achou

domingo, 17 de janeiro de 2016